<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1616712345234498&amp;ev=PixelInitialized">
SOLICITE ATENDIMENTO

BLOG MOBILIT

Excelência em gestão de despesas de telefonia móvel, fixa e dados.

Cinco principais enganos sobre a nuvem

Postado por Mobilit em 23/01/2015 11:30

mob_jan_04Cada vez mais populares, os serviços de armazenamento na nuvem ainda são um tema que provoca muitas dúvidas.

Muita gente, profissional ou pessoalmente, já aposta em serviços como Google Drive, Dropbox e iCloud para armazenar e compartilhar seus dados – por eles, arquivos grandes são enviados facilmente.

No entanto, os empresários parecem temerosos. Que tipo de solução é essa onde eles armazenarão seus arquivos, muitas vezes, confidenciais? Estarão eles seguros?

Ao mesmo tempo em que os fornecedores de soluções não param de chegar com novidades, as empresas querem ter certeza de que investirão em algo sólido e certeiro.

É preciso, porém, prestar atenção a erros que podem ser fáceis de detectar antes de se iniciar o processo e que, mais tarde, seriam difíceis ou impossíveis de serem corrigidos sem desperdício do investimento feito.

Preste atenção quando ouvir algo sobre:

1.      Corte de funcionários: existe a preocupação de que empresas que adotam soluções de nuvem acabam por demitir parte de sua equipe de TI, já que os dados estão centralizados, mais fáceis de serem acessados e disponíveis.

Segundo os analistas, porém, esse é um equívoco: inicialmente, eles percebem que a adoção da nuvem se dá exatamente em ambientes que contam com poucos funcionários, e a tecnologia surge para ajudá-los.

Em um segundo momento, contratações podem ocorrer, já que, como toda solução de TI, esta precisa de gerenciamento e integração de serviços. O que pode ocorrer, sim, é a exigência de profissionais com aptidões antes não necessárias, como a de avaliar e selecionar empresas de computação em nuvem;

2.      Custos: como toda tecnologia, a nuvem exige investimentos para ser implementada. Fala-se muito em redução de gastos com a solução, mas a verdade é que, apesar de ter aparentes baixos custos de licenciamento, eles estão de longe de estarem isolados. Um dos maiores investimentos das empresas acaba se direcionando para os custos legais. Isso porque, ao migrar dados para a nuvem, a empresa está assumindo riscos, e precisa se precaver;

3.      Performance: o tráfego na rede tende a aumentar com a migração para a nuvem, exatamente porque os dados se tornam mais disponíveis. Por isso, não se acomode na crença de que sua estrutura de TI é mais do que necessária para suportar a movimentação futura;

4.      Sistema simplificado: muitos acreditam que, ao migrar para a nuvem, não precisarão mais da equipe de TI para gerir e administrar a rede, pois tudo “é mais simples agora”. Não é bem assim: os dados de sua empresa estão migrando para um servidor na nuvem, e perder o controle sobre esse trabalho é muito fácil.

Quando a empresa passa a confiar em mais um fornecedor para cuidar de seus dados, mais do que nunca, ela precisa que alguém especializado monitore o processo. Não é menos complexo porque está na nuvem;

5.      Insegurança: muitos executivos evitam migrar para a nuvem com medo de que seus dados sejam perdidos ou hackeados. A verdade é que segurança é um tema delicado em TI.

Servidores na nuvem podem ser mais ou menos seguros do que os de sua empresa, e muitos requisitos, como o uso de senhas fracas ou operações mal planejadas, podem gerar vazamento de dados.

New Call-to-action

Todo passo deve ser dado com pesquisa e planejamento. Apostar na nuvem para assegurar as informações de sua empresa não é uma insanidade: pode representar economia de tempo e gerar facilidades imensas na rotina dos funcionários.

Não confie em boatos, em “achismos”. Busque informações concretas com parceiros experientes e confiáveis e estude como sua empresa pode migrar para a nuvem com organização e destreza.

New Call-to-action

Topics: Produtividade, Nuvem, Otimização de tempo em TI, vulnerabilidade na nuvem

Posts Recentes

Tópicos

veja todos

Inscreva-se para receber novidades